Auxílio Manauara: Prefeitura pagará 6 parcelas de R$ 200 A partir de Fevereiro

‘primeira parcela será paga em fevereiro’, diz David Almeida

Receba Vagas de Emprego pelo

A Prefeitura de Manaus aprovou  o pagamento do Auxílio Manauara, benefício emergencial a ser pago pelo município a mais de 40 mil famílias da capital amazonense. O anúncio foi feito pelo prefeito da cidade, David Almeida, após aprovação de projeto de Lei de forma unânime pela Câmara Municipal

Segundo o prefeito, o pagamento começa já em fevereiro e terá 6 parcelas de R$ 200. O programa será coordenado pela Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (SEMASC), que efetuará os pagamentos.

A prefeitura de Manaus estende a mão à população, no momento mais difícil da pandemia, com a aprovação e implantação do Auxílio Manauara. Vamos trabalhar com eficiência, para entregar esse recurso nas mãos de todos os manauenses que precisam dessa ajuda neste momento difícil“, citou o prefeito em coletiva de imprensa.

Quem pode pedir o Auxílio Manauara

Segundo o projeto de lei aprovado na Câmara, os R$ 200 serão pagos a famílias que tenham crianças de 0 a 3 anos ou idosos acima de 60 anos, tendo como base principal o Cadastro Único do Governo Federal (CadÚnico), dos inscritos até dezembro de 2020.

Além de estar no CadÚnico e no Programa Bolsa Família, estes devem ter renda per capita de até R$ 178 (uma famíla com 10 pessoas pode receber até R$ 1.780,00 mensais para se enquadrar).

Poderão pedir o auxílio ainda os trabalhadores informais que tenham crianças de 0 a 3 anos, obedecendo o limite de renda de R$ 178 per capita.

O auxílio vem para ajudar aquelas famílias que se encontram em situação de pobreza e extrema pobreza, agravada pela pandemia da Covid-19. Temos 32.548 famílias nessa situação. Beneficiando ainda as famílias de trabalhadores informais, chegaremos ao total de 40 mil famílias“, disse a titular da Semasc, Jane Mara Moraes.

Inscrição no Auxílio Manauara

O governo municipal disse que a inscrição no programa deverá ser feita por meio de um aplicativo de celular, que vai entrar em funcionamento nos próximos dias, até meados de fevereiro. O cadastro será processado pela prefeitura, que irá então aprovar ou reprovar a liberação do benefício, conforme cruzamento de dados.

O aplicativo será apresentado nos próximos dias pela Semasc, que promete ser totalmente transparente o pagamento, inclusive com a divulgação dos nomes dos beneficiários. Ainda, quem não tem acesso à internet, poderá fazer o cadastro na Prefeitura, onde receberá um cartão auxílio manauara.

O pagamento deve começar ainda no final de fevereiro e terá custo de R$ 1,4 bilhão aos cofres municipais no período.

AVISO IMPORTANTE: Nunca pague qualquer quantia para participar de um processo para que seja selecionado. Não compre nenhum curso, apostilas ou serviços que prometem participação na seleção ou contratação de uma vaga. E nunca insira dados bancários, cartões ou envie documentos por e-mail ou através de sites que não reconhecem. Não nos responsabilizamos por nenhum tipo de pagamento efetuado. 
DENUNCIAR VAGA